Category Archives: Cultura

Inscrições para o Programa Partiu Estágio do Reforço Escolar seguem até o dia 25 de abril

As inscrições para o programa Partiu Estágio do Reforço Escolar seguem abertas até o dia 25 de abril. São ofertadas 4.390 vagas aos universitários dos cursos de Educação Física, Letras Vernáculas e Matemática que irão atuar no reforço escolar para estudantes da rede estadual de ensino. A novidade para este edital é que poderão se inscrever estudantes de cursos presenciais e na modalidade EAD.As inscrições podem ser feitas no Portal da Eduação (www.educacao.ba.gov.br).

Para participar do programa, é necessário que o candidato tenha idade mínima de 16 anos e que tenha cumprido mais de 50% da graduação. Podem participar estudantes universitários residentes na Bahia e que estejam regularmente matriculados em cursos presenciais e EAD de instituições estaduais, federais e privadas com sede/pólo no estado. Alunos de cursos presenciais poderão concorrer a vagas ofertadas nas cidades onde residem ou estudam. Já estudantes de cursos EAD apenas poderão se candidatar a vagas alocadas na cidade onde moram.

O cadastro de cada candidato irá compor um banco, que terá validade de seis meses, do qual sairão as convocações dos novos estagiários do Estado. Candidatos que estejam participando pela primeira vez devem estar atentos sobre o processo de inscrição. Inicialmente, é preciso acessar o site do Partiu Estágio, através do link no Portal da Educação, e criar uma conta, informando CPF, nome, data de nascimento e e-mail válido. O sistema enviará automaticamente para o e-mail cadastrado os dados para acesso ao sistema de inscrição.

Danilo Mussurunga Estudante #PartiuEstágio 004
De posse dos dados para acesso, o candidato deverá preencher os dados cadastrais no site de inscrição e, posteriormente, selecionar seu curso e o turno das aulas, além do município que estuda ou reside. Caso já tenha se inscrito em editais anteriores, o candidato deve acessar sua conta já existente e realizar o mesmo procedimento. Quem já participou do Partiu Estágio durante período de um ano não poderá se inscrever novamente, com previsto em edital. A lista completa das oportunidades de estágio na rede estadual estará disponível no sistema de inscrição do Partiu Estágio.

Sobre o programa – Lançado em abril de 2017, o Partiu Estágio é uma iniciativa da administração estadual baiana que garante acesso a oportunidades de estágio a estudantes universitários de instituições com sede na Bahia e que ainda não conseguiram se inserir no mercado de trabalho. É prioritário para estudantes inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e para aqueles que tenham estudado todo o ensino médio em escola pública ou com bolsa integral na rede privada. Do percentual de vagas ofertado em cada edital, 10% são direcionados para portadores de deficiência física, como o previsto pela Lei 11.788/2008.

O contrato de estágio tem duração de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto quando o estudante seja deficiente físico. A carga horária é composta de quatro horas diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais, distribuídas de acordo com a necessidade da Administração Pública. Além da bolsa-estágio, os universitários terão direito a auxílio-transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais. Desde seu lançamento, o programa já contratou mais de seis mil estagiários para atuarem no serviço público.

Secretaria da Cultura de Cairu divulga resultado de concurso de poesia

IMG-20190418-WA0012

A Secretaria Municipal da Cultura de Cairu divulga o resultado do II Concurso Cultural da Poesia em homenagem às mulher cairuense. As poesias foram selecionadas por um comitê avaliador composto por Secretaria da Cultura, Secretaria da Educação, Biblioteca Municipal Maria Jurenilva e APLB.

1° LUGAR

O CLAMOR DA MULHER CAIRUENSE
Por Aissa Milena Santana, do Galeão

Eu sou a voz de quem tenta gritar;

Mas tem alguém que quer falar;

Se sente incapaz;

Porque alguém lhes arrancou a paz;

Mesmo assim lamenta,

porque tem alguém que a tormenta;

É uma dor, que não cabe no peito

Que de algum jeito, Consegue ver esperança que esse ser irá mudar…

Algumas buscam ajuda, porque o ser não muda

e conseguem falar!

Outras… infelizmente são caladas

e sua história ao mundo , não poderão contar!!!

2º Lugar
MULHER CAIRUENSE
Por Ana Márcia Rosário Santos, de Monte Alegre

Apenas com uma caneta

e um pedacinho de papel

De forma muito contente

Falarei da forca danada da mulher cairuense!

Ela que vive de forma humilde e de pés no chão

Consegue carregar no ventre, um embrião

Que nasce, cresce de maneira extraordinária e alegre

Aí está! A forca danada da mulher cairuense!

Apesar de dificuldades, acorda cedo, prepara tudo sem muita demora

acorda as crianças, arruma para a escola

Corre para o trabalho, quase perdendo o horário

Digo orgulhosamente! Que não tem ninguém neste mundo mais guerreira e valente, do que a mulher cairuense!

Mesmo sem forças, ela levanta e vai a luta,

Calos nas mãos, suor caindo ao chão e mesmo assim sorri

Agradece a Deus, por conseguir levar para casa o pão de cada dia

Nunca duvide minha gente, da força da mulher cairuense!

Ela se renova a cada queda

com muita coragem levanta e reza

fala de forma bem singela e minuciosa:

Deus ajuda a quem cedo madruga

Levanta mulher! vai a luta! A noite vai surgindo e em casa ela chega,

cuida dos filhos, cozinha, lava, passa, ensina sem reclamar

um fardo muito pesado! È pai, mãe exemplar…

Repito orgulhosamente, não existe algo mais transparente, do que a força da mulher cairuense…

Ela ê mãe, amiga, conselheira, antes de dormir se ajoelha,

agradece a Deus pelo dia e pela noite, pelos filhos, pelo trabalho…

Por tudo conquistado arduamente, e sinceramente

nenhum homem neste mundo, tem a força da mulher cairuense!

Uma coisa é certeza,

ela conquistou seu espaço na sociedade com muita dureza,

sem contar também nas secretarias: educação , saúde, governo, cultura, turismo e juventude

isso é incrível minha gente, não tem como duvidar da força da danada da mulher cairuense!

Pois bem , aqui se fala da mulher do nosso município

a mulher nordestina â princípio

não precisa mencionar a da Inglaterra

ambas são o transporte que o homem tem para chegar a terra,

por isso minha gente, continuem contente e vibrem essa força da mulher cairuense!

Assim, ela vem nos surpreendendo com suas conquistas,

Luta de noite a dia, seja ela marisqueira,

Cozinheira, lavadeira, rezadeira ou camareira

Se enchem de orgulho ao ver sua filha : médica, professora, arquiteta ou enfermeira,

Mulheres empoderadas que conquistaram espaço , voz, vez e razão

E que nenhum homem machista toque a mão,

Nesse ser sensível e de muita valorização, por isso , ainda acredito sinceramente, na força da mulher cairuense.

Enfim, mulher…

Que todo dia…

Seja dia de ser amada, valorizada,

Que jamais tenha a voz calada….

que seja mais protegida,

respeitada,

nunca se quer duvidem da sua valentia,

coragem e ousadia da mulher cairuense.

3º Lugar
MULHER CAIRUENSE
Por Joeliton Almeida dos Santos, da Gamboa

“Mulher virtuosa quem a achará”

O seu valor é grande

Como uma joia rara

O seu brilho ilumina

E o seu perfume exala

Mulher cairuense tem

Grande valor, pois, é guerreira

E não desiste nunca

No mundo é a melhor que existe

Sua origem é Cairu

Na terra foi criada

Com um trabalho duro

Nessa longa jornada

Jornada para crescer na vida

Cada dia mais a batalhar

Feliz dia da mulher

E nunca desista dos seus sonhos

Você é uma pessoa muito especial

Uma guerreira que nunca será vencida

Que cresce a cada dia mais…

Empreendimento inova com vitrine inclusiva em SAJ

WhatsApp Image 2019-04-17 at 17.53.08

Manequim na cadeira de rodas chama a atenção de quem transita pelo Shopping Itaguari

Assis Amancio é gerente de vendas e vitrinista na Dix Estilo, loja de roupa e acessórios unissex em Santo Antônio de Jesus. Antenado às tendências para o segmento de moda e para o empreendedorismo de modo mais amplo, o gestor implantou no estabelecimento a vitrine inclusiva, com um manequim na cadeira de rodas, iniciativa que promove a inclusão e agrega valor ao negócio.

De acordo com Amancio, a proposta foi promover a inclusão e, ao mesmo tempo, valorizar as diferenças. “Quando criamos a vitrine com uma manequim na cadeira de rodas, foi para passar a ideia de que o indivíduo já traz a definição de que somos únicos nas diferenças. O respeito deve ser praticado independente do que é considerado padrão, seja de comportamento, corpo, beleza, idealismo e crenças”, explica.

A Dix Estilo, que já tem mais de quatro décadas no mercado, está participando da consultoria MEDE do Sebrae Bahia e tem buscado aplicar os conhecimentos adquiridos na prática com seus clientes.

“Enquanto consultores de moda, somos o retrato do nosso tempo e não podemos diferenciar ou esconder as diferenças para ser inserido na sociedade, não respeitando, fugindo do incluir, do aceitar, pincipalmente do entendimento de que existe espaço para todos. Afinal, é direito de todos estarem inclusos na sociedade”, acrescenta Assis.

O gerente regional do Sebrae em Santo Antônio de Jesus, Carlos Henrique Oliveira, explica que a loja é parceira antiga da entidade e vem desenvolvendo uma série de ações positivas no empreendimento.

“Iniciativas como essa, de fortalecer um conteúdo que é abordado dentro das atividades de capacitação, são muito importantes. Estamos muito felizes em perceber que a empresa se sensibilizou com a causa e hoje utiliza isso como uma estratégia de vendas e nada melhor do que compartilhar esse sentimento de ajudar as pessoas que, por vezes, enfrentam muitas dificuldades”, conclui Oliveira.

CRÉDITO/FOTO: Assis Amancio.

Fonte: Rafael Lopes/ Agência Sebrae de Notícias Bahia

Xtreme Model valoriza beleza negra com desfile Quilombo

Jomar Sousa e Jorge Andrade

A agência Xtreme Model, em parceria com o estilista baiano Jorge Andrade, realizará no dia 11 de maio, às 19h, com entrada gratuita, o desfile Quilombo. As passarelas do evento de moda no Hotel Sol Barra serão palco da valorização da beleza negra e da luta histórica pela criminalização da escravidão e discriminação racial.

O desfile é realizado em homenagem ao 13 de Maio, Dia da Abolição da Escravatura, data em que a Lei Áurea foi sancionada em 1888 pela princesa Isabel.

Essa data é, desde o início dos anos 80, considerada pelo movimento negro como um dia nacional de luta contra o racismo. Inclusive, a data já entrou para o calendário de eventos da agência e passará a ser celebrada anualmente.

“O desfile é uma forma de promover a conscientização, buscando ressignificar o 13 de Maio como um momento de valorizar a cultura negra e reforçar o protagonismo do negro na história do Brasil. Há necessidade de um debate na sociedade sobre como a abolição da escravidão não garantiu o reconhecimento real dos negros na construção de uma nação”, pontua o produtor e empresário Jomar Sousa.

Com apresentação de André Luiz, o desfile contará com 30 modelos, entre femininos e masculinos, que irão usar peças do estilista Jorge Andrade, com 29 anos de experiência em alta costura, desenvolvidas exclusivamente para ocasião.

Serviço

Desfile Quilombo

Data: 11 de maio (sábado)

Horário: 19h

Local: Hotel Sol Barra (Av. Sete de Setembro, 3577 – Barra)

Maiores informações: (71) 99206-2171

Gratuito

*Espaço sujeito à lotação.

Festival Conexão Musical chega à última etapa da turnê pela Bahia

O projeto musical itinerante se despede da Bahia realizando a décima etapa na cidade de Gandu, região do Baixo Sul, no próximo final de semana

untitled

O Festival Conexão Musical vai chegando ao final de sua primeira turnê pelo estado da Bahia. Durante dois meses e meio, o caminhão da Skol, palco itinerante do evento mais descolado e democrático do Brasil, rodou mais de 1.000 quilômetros, passando por nove cidades do interior baiano e chegará a cidade de Gandu, o décimo município do roteiro, para a última etapa, nos dias 20 e 21 de abril, sábado e domingo.

“A ideia era conectar as pessoas em um evento democrático e inovador que levasse cultura e alegria através da música. Conseguimos! O festival é sucesso consolidado e a prova disso é que muitas cidades estão pedindo uma etapa em turnês futuras”, afirma Fernanda Bezerra, Diretora da Maré Produções Culturais.

As cidades contempladas durante a primeira turnê do festival foram Madre de Deus, São Sebastião do Passé, Cachoeira, Santo Amaro, Itaparica, Ipirá, Ruy Barbosa, Jaguaquara, Ipiaú e Gandu, encerrando essa passagem pela Bahia. “Vamos fechar com chave de ouro em Gandu! Com certeza, o Festival Conexão Musical Bahia já deixa saudades, mas em breve teremos novidades”, complementa Fernanda.

Durante o roteiro musical, o caminhão-palco recebeu várias atrações locais e regionais, além do DJ Conexão, atração oficial do evento. Ao final do festival, serão 40 shows de artistas de variados estilos musicais, totalizando mais de 100 horas de música.

Para Pedro Beltrão, gerente regional de eventos da Skol – principal patrocinadora do Festival, essa primeira turnê pela Bahia foi um divisor de águas, criando um legado do evento e da marca. “A Skol é uma cerveja democrática, inovadora e inquieta. Esse tipo de programação reforça nossa essência de promoção da alegria e união de forma inclusiva, sem preconceitos”, afirma.

Na última etapa, em Gandu, os shows ficam por conta de Di Souza, Flor Serena e DJ Conexão, na noite do sábado (20). Já no domingo (21), DJ Conexão, Kal Firmino e Braa Roots fazem a festa no último dia. A entrada é gratuita e o evento encerra pontualmente à meia noite.

O festival conta com estrutura de bares que vendem produtos da família Skol, principal patrocinadora do evento. Entre as bebidas que estarão disponíveis ao público, a Skol Pilsen, os três tipos de Skol Beats: Senses, Spirit e Secret, água, refrigerante e energético e a nova integrante da família que é a sensação no verão da Bahia: a Skol Puro Malte.

O Festival Conexão Musical Bahia é uma realização da Alquimia Comunicação, com produção da Maré Produções Culturais, e conta com patrocínio da Skol, via Ambev, e do Governo do Estado, por meio do programa Fazcultura, e das Secretarias da Fazenda e Cultura.

Fonte: LK COMUNICAÇÃO

Festival de Música fomenta a economia das cidades por onde passa

15323502042019_editor_CONEXAOMUSICALRUYBARBOSADIA05LetoCarvalhoIMG_09262

O comerciante Jailton dos Santos aproveitou o evento em Ruy Barbosa para ampliar as vendas. A expectativa foi atingida.

Levar entretenimento e fomentar a economia, estes são alguns dos ingredientes do Festival Conexão Musical – projeto itinerante de música que está movimentando o interior da Bahia. Durante os dois dias de eventos na cidade, os comerciantes locais sentem o aumento das vendas.

O comerciante Jailton Silva dos Santos é exemplo disso. Proprietário de uma lanchonete na praça principal de Ruy Barbosa, Jailton viu a receita da sua lanchonete ampliar significativamente durante os dois dias em que o Festival Conexão Musical esteve na cidade.

“Eu tive um lucro de aproximadamente R$ 11 mil”, destaca o empresário. “Para você ter uma noção, acabou todo meu estoque de produtos, tanto de cerveja quanto de lanches”, contou. Jailton ressaltou a importância de eventos como esses para o fomento, não apenas da cultura, mas também para movimentar o comércio local. “Eventos deste tipo trazem movimento e ajudam a melhorar a autoestima do povo”, afirmou.

Pedro Beltrão, gerente regional de eventos da Skol – principal patrocinadora do Festival, essa ideia está na essência do evento e da marca. “A Skol é uma cerveja democrática e inovadora. Este tipo de programação reforça esta nossa essência de promoção da alegria e união, de forma democrática e sem preconceitos”, afirma.

Após a etapa de Ruy Barbosa a próxima parada será a cidade de Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, 330 km de Salvador. Quem anima a festa na sexta-feira (5) são os artistas Jefinho e Léo o Novo Som. No sábado (6) a programação segue com Lipinho e Magary Lord.

Nos dias 12 e 13 de abril será a vez de Ipiaú receber o Festival Conexão. A última etapa do Festival Conexão Musical Bahia será em Gandu nos dias 20 e 21 de abril.

O Festival Conexão Musical Bahia é uma realização da Alquimia Comunicação, com produção da Maré Produções Culturais, e conta com patrocínio da Skol, via AMBEV, e do Governo do Estado, por meio do programa Fazcultura, das Secretarias da Fazenda e Cultura.

Fonte: LK COMUNICAÇÃO

Secretaria da Juventude de Cairu participa de encontro com presidentes e gestores de conselhos municipais de juventude da Bahia

56423405_2246112232077928_4835349111836246016_n

A Secretaria Municipal da Juventude de Cairu esteve presente na reunião de Presidentes de Conselhos Municipais e Gestores de Políticas Públicas para a Juventude, realizada nesta quarta-feira (03), na Assembléia Legislativa da Bahia (ALBA), para um debate que discutiu, entre outros temas, a interiorização de políticas públicas para a juventude nos 27 territórios de identidade da Bahia. O encontro contou com a presença de representantes de dezenas de municípios da Bahia.

Pontos como a Conferência Estadual de 2019, a atuação de cada membro na construção de uma política de juventude mais consistente e expansão do programa ID Jovem também foram discutidos na reunião.

A reunião foi proposta pela Coordenação de Juventude (Cojuve), da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), em conjunto com o Conselho Estadual da Juventude (Cejuve-BA), em virtude da sessão especial, que será realizada nesta quinta-feira (04), também na ALBA, às 14h, em comemoração aos 10 anos de atuação do Cejuve-BA.

Bahia investe R$ 20 milhões no setor audiovisual em 2019

nesta-sexta-feira-25-governador-rui-costa-visita-teixeira-6

O governador Rui Costa anunciou, na noite desta terça-feira (2), o lançamento de editais com investimento de R$ 20 milhões para fomentar o desenvolvimento, a difusão e a produção do audiovisual baiano em 2019. A informação foi divulgada por Rui juntamente com a secretária estadual de Cultura, Arany Santana, durante o #PapoCorreria, transmitido pelas redes sociais.

Este é o maior aporte de recursos já realizado para este segmento pela Secretaria de Cultura do Estado (Secult); em 2016, o total foi de R$ 15 milhões. São diversas categorias divididas por origem de recursos, sendo cerca de R$ 5 milhões diretos do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA) e R$ 15 milhões captados do Fundo Setorial do Audiovisual (Ancine) e que serão geridos pela Fundação Cultural do Estado (Funceb).

O primeiro edital, com recursos oriundos do Fundo de Cultura, vai selecionar propostas em nove categorias: projeto de desenvolvimento de roteiro; festivais, mostras e eventos; cineclube; projeto de formação; curta-metragem; memória; web; projeto de pesquisa; e games. Para essas categorias poderão se inscrever associações, fundações, sociedades simples, empresariais e empresas de responsabilidade limitada (EIRELI); além de pessoas físicas maiores de 18 anos, micro empreendedores individuais, grupos e coletivos culturais, e cooperativos.

Arany Santana ressalta que o fomento ao audiovisual chega em um momento importante. “Nesses tempos de disruptura nos investimentos da cultura em âmbito federal, a Bahia prova, mais uma vez, que está na contramão, apostando no trabalho e garantindo que o audiovisual, um importante segmento na geração de emprego e renda, continue com sua finalidade de desenvolver, difundir e produzir mais conteúdo baiano”, afirma.

O segundo edital, com recursos originários do Fundo Setorial do Audiovisual, vai selecionar propostas para concessão de apoio cultural para projetos de produção de obras audiovisuais baianas inéditas e para projetos de distribuição para comercialização das obras.

O grande diferencial deste edital está na inserção de indutores que permitirão que as propostas contemplem profissionais negros e indígenas; profissionais mulheres; empresas produtoras do interior do estado, que terão na sua avaliação acréscimos na pontuação final. Esses indutores de Diversidade de Etnia/Raça, de Diversidade de Gênero e de Territorialização são ações afirmativas que tem como objetivo eliminar desigualdades historicamente acumuladas e avalizar a igualdade de oportunidades.

“Nós reformulamos este certame para qualificá-lo em relação aos anteriores em três dimensões: dividi-lo em dois atos para facilitar a prestação de contas futuramente, a incorporação de novas categorias e a continuação de outras antes descontinuadas, além da ação afirmativa que democratiza ainda mais o acesso à política pública”, diz a diretora-geral da Funceb, Renata Dias.

O certame vai selecionar, no mínimo, 24 projetos em nove categorias: Longa metragem – documentário; Longa metragem – ficção; Longa metragem – animação; Telefilme – documentário; Série de TV – documentário; Série de TV – ficção; Série de TV – animação (duração 7 minutos); Série de TV – animação (duração 3 minutos); e Distribuição.

Para este edital podem concorrer as pessoas jurídicas com fins lucrativos e proponentes com situação de registro no Sistema Ancine Digital como ‘deferido” e com classificação de ‘agente econômico brasileiro independente’. A novidade é que empresas proponentes devem estar estabelecidas no estado da Bahia há pelo menos um ano; antes, eram três anos.

A inscrição das propostas e o envio de documentos obrigatórios, para ambos editais, serão realizados por meio do Sistema de Informações e Indicadores em Cultura – Clique Fomento desta quarta-feira (3) até 2 de maio. Os proponentes podem inscrever até três propostas, mas apenas uma será selecionada. Mais detalhes podem ser acessados nos sites da Secult e da Funceb.

Secretaria de Turismo de Cairu e SENAC realizam mobilização sobre cursos de capacitação nas comunidades

IMG-20190319-WA0260

A equipe técnica da Secretaria Municipal de Turismo juntamente com o SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial)

tem percorrido as ilhas mobilizando, detalhando e tirando dúvidas sobre a temporada 2019 de cursos. São mais 30 opções de cursos de capacitação, atualização e aperfeiçoamento que serão ofertadas por meio de convênio entre as duas instituições, tendo por objetivo principal fomentar a qualificação profissional contínua dos cairuenses, sobretudo daqueles que atuam na área do turismo.

Os cursos já estão com as incrições abertas e abrangem diversos eixos entre eles hospitalidade; gestão e negócio; desenvolvimento educacional e social; informática e comunicação; além de ambiente e saúde. Todos os cursos tem carga horária igual ou superior a 160h e são destinados a pessoas com escolaridade variável. As mobilizações já aconteceram em Garapuá, Boipeba, Moreré e São Sebastião. Durante o mês de abril os encontros acontecerão nas demais localidades do município- arquipélago.

A oferta de cada curso nas localidades está condicionada a formação de turma com no mínimo 15 participantes. Maiores informações podem ser obtidas através do whatsapp (75) 9 9914-3754 ou na Secretaria de Turismo de segunda a sexta, das 8h às 14h.

Fonte: ASCOM/CAIRU

Festival Conexão Musical pega estrada em direção ao Vale do Jiquiriçá

untitled

A oitava etapa do Festival Conexão Musical acontece na cidade de Jaguaquara, nos dias 05 e 06 de abril, na Praça J J Seabra.

O caminhão amarelo do festival musical mais redondo do Brasil segue viagem pela Bahia, e no próximo final de semana chega a Jaguaquara, cidade situada no território de identidade do Vale do Jiquiriçá, para realização da oitava etapa da turnê que vem animando o interior baiano.

O evento itinerante que é patrocinado pela SKOL já passou por Madre de Deus, São Sebastião do Passé, Cachoeira, Santo Amaro, Itaparica, Ipirá e Ruy Barbosa vai desembarcar muita cultura e alegria em Jaguaquara nos dias 05 e 06 de abril.

Os shows acontecem no caminhão-palco, na Praça J J Seabra a partir das 18h. Na primeira noite de festa, sexta feira (05), quem sobe ao palco SKOL é Jefinho Love Light e Léo Novo Som, além da atração oficial do evento, o DJ Conexão. Na noite do sábado (06) a animação fica por conta de Lipinho Fontes e Magary Lord, atração que retorna ao Festival, e ainda tem o DJ Conexão agitando a galera no intervalo entre as bandas. A entrada é gratuita, e o evento se encerra pontualmente a meia noite.

Além de propagar e promover cultura e entretenimento, o Festival Conexão Musical Bahia vai fomentar a economia local das cidades por onde passar. “Queremos conectar as pessoas através de um evento democrático, inovador que leva cultura e alegria através da música. Isso faz parte do DNA SKOL – uma cerveja jovem, democrática, inovadora e que apoia a diversidade com o intuito de surpreender o público consumidor. É isso que pretendemos com o Conexão Musical”, afirma Pedro Beltrão, gerente regional de eventos SKOL. “Vamos oferecer, de forma gratuita, em dois dias de Festival muita música e inovação. Com certeza, o público não perde por esperar”, completa Beltrão.

O festival conta com estrutura de bares que venderão produtos da família Skol, principal patrocinadora do evento. Entre as bebidas que estarão disponíveis ao público, a Skol Pilsen, os três tipos de Skol Beats: Senses, Spirit e Secret, água, refrigerante e energético e a nova integrante da família que é a sensação do verão da Bahia: a Skol Puro Malte.

ROTEIRO MUSICAL

Após Jaguaquara, o Festival Conexão Musical pega estrada, e nos dias 12 e 13 de abril o evento desembarca na praça Salvador da Mata, na cidade de Ipiaú para a sua penúltima etapa. Na sexta (12) os shows ficam por conta de Lê Kum Crê e Larissa Souza e no sábado (13) quem sobe ao palco são Kal Firmino e Pé de Badoque, além do DJ Conexão agitando tudo nos dois dias de festa.

A última etapa do Festival Conexão Musical Bahia será na cidade de Gandu nos dias 20 e 21 de abril (sábado e domingo), na praça do Povo.

O Festival Conexão Musical Bahia é uma realização da Alquimia Comunicação, com produção da Maré Produções Culturais, e conta com patrocínio da Skol, via AMBEV, e do Governo do Estado, por meio do programa Fazcultura, das Secretarias da Fazenda e Cultura.

Fonte: LK COMUNICAÇÃO