Monthly Archives: outubro 2015

Cairu: Defensoria promove audiência para discutir ameaça a quilombolas do Batateira

A Ouvidoria Geral da Defensoria Pública da Bahia realiza nesta terça-feira (27) uma audiência pública, em Cairu, no baixo sul do estado, para discutir as violências e ameaças sofridas pelos quilombolas da Batateira, e debater políticas públicas para a comunidade. A presidente da Associação Quilombola da Batateira, Claudeci Santos diz que o contato com a Ouvidoria é um “pedido de socorro”. O sustento da comunidade advêm da atividade pesqueira e extrativista, e se vê prejudicada com a licença concedida pela prefeitura municipal de Cairu aos fazendeiros para instalação de oito tanques cavados para um criatório de tilápia (camarão). “Nós não tínhamos conhecimento disso, ficamos sabendo quando as máquinas começaram entrar em nossa comunidade e a utilizar do açude do qual tiramos nossa água para beber. Aqui não temos água encanada, muito menos saneamento básico”, afirmou Claudeci. A presidente da associação ainda afirma que a prefeitura autorizou o início dos trabalhos sem ouvir a comunidade quilombola. “Nós somos um território quilombola reconhecido pelo INCRA, a prefeitura não poderia autorizar nada sem antes tratar com eles e conosco. O Ministério Público e a Secretaria de Patrimônio da União, não foram informados disso. É totalmente irregular”, conclui. O conflito entre os moradores do quilombo e fazendeiros da região já dura mais de sete anos, cercados de ameaças, inclusive de morte, por parte dos fundiários. Em 2010, uma audiência pública tratou do assunto e os fazendeiros recuaram. Mas, após a liberação do alvará, as ameaças aos quilombolas voltaram. “As políticas públicas que são responsabilidades do município, do Estado e do governo federal precisam chegar à comunidade de batateira e isso é uma coisa muito importante”, diz ouvidora-geral Vilma Reis.(Bahia Noticias)Batateira

Território de Baixo Sul recebe o vigésimo Serviço de Apoio à Agricultura Familiar

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), inaugura na terça-feira (27), às 9h, no município de Valença, o Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar (SETAF), que tem como finalidade articular políticas públicas para a agricultura familiar e promover a inclusão produtiva dos agricultores familiares baianos. Esta unidade vai atender mais de 23 mil famílias de agricultores do Território de Identidade Baixo Sul.

Este é o vigésimo dos 27 SETAFs, que estão sendo implantados em toda a Bahia. O ato de inauguração contará com a participação do secretário do Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, do superintendente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Jeandro Ribeiro, prefeitos de municípios do Território, parlamentares e demais autoridades regionais.

Os SETAFs são compostos por equipes técnicas da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), da Coordenação de Desenvolvimento Agrário (CDA), da Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater) e demais órgãos que integram a SDR. A expectativa é que outros órgãos do governo também integrem os SETAFs.

Adesão – Os SETAFs irão atuar de forma articulada com o Serviço Municipal de Apoio a Agricultura Familiar (SEMAF), que serão implantados, pelas prefeituras que tiverem interesse, nos municípios baianos. Em Valença, está previsto a assinatura do termo de adesão ao Serviço pelas prefeituras que integram o Território.

SERVIÇO

O QUE: Inauguração do Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar (SETAF) no Território Baixo Sul.

QUANDO: 20 de outubro de 2015 – às 9h

ONDE: Antigo Colégio Lomanto Junior (Rua Guilhermina Góes0http://jornaldobaixosul.com.br/wp-content/uploads/2015/10/Setafs.jpeg”>Setafs

Sebrae abre inscrições para prêmio TOP 1OO de Artesanato

O Sebrae está com inscrições abertas até 15 de dezembro para o Prêmio TOP 100 de Artesanato. Em sua 4ª edição, o prêmio é uma iniciativa do Sebrae Nacional e visa o reconhecimento e valorização do setor, identificando e premiando as 100 unidades de produção artesanal mais competitivas do Brasil.

Podem participar do TOP 100 microempreendedores individuais (MEI), empresário de micro e pequenas empresas e artesão vinculado à entidade legalmente representativa do setor. Os vencedores terão o direito de uso, por três anos, do selo “Prêmio Sebrae TOP 100 de Artesanato” e serão agraciados com a divulgação de três produtos no site da instituição em níveis nacional e regional, no CD promocional e catálogo.

A inscrição pode ser feita no site do prêmio, onde o interessado preencherá um questionário, informando sobre a prática de gestão de seu empreendimento/atividade e as características da produção artesanal e das peças produzidas. “Esta etapa é importante e o questionário deve ser preenchido com muito cuidado e atenção. As informações prestadas nele devem ser condizentes com a realidade da unidade produtiva e produtos, pois existe a possibilidade de checagem in loco das informações”, explica a técnica da Coordenação de Turismo e Economia Criativa do Sebrae, Luciana Santana, destacando ainda que a instituição em todo o estado estará à disposição para orientação durante esta etapa de inscrição.

Entre fevereiro e junho de 2016, serão realizadas três etapas de avaliação técnica, divididas em categorias, a partir dos segmentos produtivos. Além da qualidade dos produtos, serão avaliadas as práticas de inovação, identidade e compromisso cultural, embalagem, condições de trabalho, sustentabilidade ambiental, organização da produção, adequação econômica dos produtos, práticas comerciais, responsabilidade social e planejamento e gestão. Os resultados da avaliação serão divulgados de 1° a 15 de julho e a cerimônia de premiação ocorrerá em setembro de 2016, em local a ser definido.

O prêmio

Criado em 2006, o TOP 100 de Artesanato surgiu da preocupação de identificar e promover as unidades produtivas desse setor, dentro de uma perspectiva de negócio, incentivando a torná-las mais competitivas e qualificadas para atender ao mercado. O prêmio transformou-se numa ferramenta de diagnóstico, visando a qualidade dos produtos e práticas de gestão. A cada edição, crescem o número de adesões.

Nas suas três edições, a Bahia saiu com total de 11 vencedores. “O TOP 10 vai além da premiação, pois ele oferece ao artesão a possibilidade de reflexão no ato do preenchimento do questionário, onde é abordada a adoção de boas práticas de gestão e de produção. É um estimulo para a melhoria no processo produtivo da atividade e na qualidade do produto”, avalia Luciana.
- See more at: http://jornalbahiaonline.com.br/noticia/30765/sebrae_abre_inscricoes_para_premio_top_1oo_de_artesanato‏#sthash.1kDihdfQ.dpuf11053089_513268138831158_3482989119337437896_o

artesanato620x465

ATRIZ ALBA CRISTINA PARTICIPA DE FEIJOADA VIB NA ALEMANHA

A atriz, arte-educadora e Ialorixá baiana Alba Cristina, Ya Darabi, participará da quinta edição da Feijoada VIB em Munique, Alemanha. O evento será realizado no dia 24 de Outubro no renomado Hotel Hilton. A tradicional festa brasileira em solo europeu tem este ano como tema a Bahia. O evento idealizado e produzido pela Promoter Simone Weissmann visa reconhecer o talento de brasileiros que se destacam em terras germânicas. Este ano além da atriz grapiúna, também estará presente parte do elenco do premiado filme Bach in Brazil, os atores Aldri Anunciação, Edgar Selge e Franziska Walser receberão prêmios em reconhecimento por seus trabalhos. Também estará presente o renomado fotógrafo carioca Renan Cepeda.

O convite para a comemoração foi feito a Alba justamente pela importância de destacar uma artista negra que em toda a sua trajetória tem fortalecido os laços simbólicos entre o Brasil e partes da África.

Alba Cristina despontou na cena artística grapiúna durante a década de 1980. Trabalhou ao lado de grandes nomes do teatro, como o lendário diretor, ator e coreógrafo Mário Gusmão, que criou e dirigiu o grupo “Em Cena”, que revelou nomes como Jackson Costa e Carlos Betão.

Nos anos seguintes, atuou no cinema, em trabalhos como “Palavra e Utopia”, do consagrado cineasta europeu Manuel de Oliveira e no premiado “A Coleção Invisível”, estrelado por Walmor Chagas e Vladmir Britcha e dirigido por Bernard Attal. O longa ganhou o Festival de Gramado 2013 e no mesmo ano foi destaque na Feira do Livro de Frankfurt.

No mês de Julho deste ano Ya Darabi, convidada pelo atuante produtor cultural Joel Ferreira foi à Europa onde se apresentou no Festival Brassevecka na Suécia, encantando uma calorosa platéia e recebendo elogios dos suecos e turistas.

Já a Alemanha entrou na rota dessa fiha de Oxóssi em Agosto de 2015, sendo porta de entrada a cidade de Hamburgo. O professor e produtor cultural Carlos Berg Guerra elaborou uma programação cultural-acadêmica à altura da Yalorixá. À época, Alba Cristina realizou a Roda de Conversa “Energias da Natureza: Orixás e suas Histórias”. O objetivo da atividade foi socializar histórias da tradição oral, dessa forma contribuindo para a valorização das expressões culturais da diáspora africana no Brasil. A partir dessa experiência surgiu a ideia de fortalecer o intercâmbio cultural, ficando a promessa de breve retorno de Alba Cristina.

Durante a Roda de Conversa também foi apresentado aos alemães o projeto sociocultural AMata, do qual Alba Cristina é a coordenadora. O projeto AMata é desenvolvido na comunidade Banco da Vitória, em Ilhéus, com a participação de associados e filhos do terreiro Odé Aladé Ijexá. O propósito é difundir a cultura afro-brasileira, resgatando e valorizando saberes depreciados pelo preconceito racial, promovendo desde a imagem da mulher e do homem negro, quanto a reflexão sobre o combate à violência e ao racismo.

Trinta anos de resistência artística e vivência religiosa – primeiro como filha do Ilê Axé Ijexá Orixá Olufon e agora como ialorixá do Terreiro Odé Aladé Ijexá – deram a Alba Cristina assento permanente entre os grandes nomes da cultura do sul da Bahia. Seu trabalho está registrado também na produção de inúmeras peças publicitárias da região e outras partes da Bahia, Itália, Dinamarca, Alemanha, Áustria, Argentina e Suécia.(Jornal Bahia on line)ACristina

Bahia registra movimentação recorde nos portos

De janeiro até setembro deste ano, os portos de Salvador, Aratu e Ilhéus registraram 30 milhões de toneladas movimentadas no Estado. O número é superior ao anotado no ano passado e passa a ser a maior circulação da história. O aumento de 1% em relação a 2014 é visto como sinal de mudança já que no início de 2015 as transações apresentaram diminuição no índice. De acordo com o jornal Correio, para finalizar o ano com recorde, o Complexo Portuário da Bahia precisa fechar as contas com dado superior a R$ 40 milhões, o que é esperado pelo presidente da Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba), José Muniz Rebouças. “Estamos otimistas, em função da maior agressividade comercial que, diante do cenário da economia, passamos a imprimir e a estimular as operadoras a adotarem”.

Hildécio Meireles diz que governo não pode mais se omitir sobre Segurança Pública

O deputado estadual Hildécio Meireles (PMDB), em meio a dados cada vez mais alarmantes da violência na Bahia, que já coloca o estado como o maior em números absolutos de homicídios no país, com registros de 5.450 assassinatos em 2014, afirma que não há mais como aceitar a omissão do governo estadual quanto ao problema que piora a cada dia. Segundo ele, ao invés de omissão, tentativa de blindagem dos números, o povo conclama por respostas imediatas. Os dados são do Diagnóstico dos Homicídios no Brasil coletados pelo próprio Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública.

“O levantamento coloca a Bahia com mais registros de homicídios do que no Rio de Janeiro e São Paulo. Para se ter idéia, das três cidades com mais índices nestes três estados duas estão em territórios baianos (Lauro de Freitas, Simões Filho e Cabo Frio), com taxas acima de 60% de homicídios a cada 100 mil habitantes, sendo que em Lauro de Freitas a taxa é de 89,5 assassinatos a cada 100 mil habitantes”, destacou, elencando que já articula um grande movimento na Assembleia Legislativa para que o secretário Maurício Barbosa preste esclarecimentos à Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública.

“Afinal tratam-se de dados de 2014. Este ano é notório que o problema se eleva a cada dia e coloca a população cada vez mais reféns dos bandidos. Dezesseis pessoas foram mortas nas últimas 48h, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSPBA). Somente na Avenida Bonocô, uma das maiores e mais movimentadas da cidade, foram dois jovens mortos e um baleado nas últimas horas em plena luz do dia e enquanto isso o governo ao invés de mostrar de que forma trabalha para mudar esse cenário tenta omitir dados”. Após divulgação do relatório dos homicídios no Brasil, o governo estadual contestou a análise dos dados que coloca a Bahia em primeiro lugar no número absoluto de homicídios. Em nota, a secretaria de Comunicação do estado pontuou que a Bahia ficou em sexta posição, em relação ao número de homicídios a cada 100 mil habitantes em 2014.

“E não dá mais para aceitar tamanha falta de gestão quando se coloca a vida da população em risco. Além de não se investir o orçamento destinado ao setor – até agosto apenas 12% havia sido utilizado -, a Secretaria de Segurança Pública prefere se calar, demonstrando que o estado perdeu totalmente o controle da situação”, concluiu o deputado.
FOTO-HILDECIO-MEIRELES

SANTA CASA DE VALENÇA REALIZA AUDIÊNCIA PÚBLICA NA CÂMARA DE VALENÇA

Audiencia SCMV

Bahiafarma vai produzir remédios para tratamento de câncer

Acordos assinados pelo governador Rui Costa na Europa vão permitir que a Bahiafarma produza medicamentos para o tratamento de câncer e da anemia falciforme. O assunto é destaque no programa ‘Digaí, Governador!’ desta semana. O encontro com o Papa Francisco, no Vaticano, e ações para a juventude baiana também são abordados.

“Nós fizemos um acordo para a produção de medicamentos na Bahiafarma. Eu destaco dois medicamentos. Um para tratamento da anemia falciforme, que incide mais sobre a população negra. Assinamos também o remédio para tratamento de oncologia, do câncer, medicamento de última geração, já aplicado nos Estados Unidos, na Europa, e aqui, na rede particular; nós vamos tratar de hoje por diante para que o SUS também inclua no seu tratamento e, a partir daí, a Bahiafarma possa fornecer”, explica o governador.

A Bahiafarma também já recebeu autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para iniciar a produção de próteses e outros materiais para saúde, como testes diagnósticos e materiais descartáveis. A produção, que vai atender ao SUS da Bahia e de todo o Brasil, deve ser iniciada em até oito meses.
Bahiafarma
Ainda sobre a viagem à Europa, Rui Costa lembra o convite feito ao Papa Francisco para que ele visite a Bahia em 2017. “O Papa é uma figura singular. Tem conseguido ser ouvido por todas as religiões. Eu tive a oportunidade de entregar um convite das Obras Sociais Irmã Dulce, para que na vinda dele, em 2017, ao Brasil, ele possa incluir a Bahia e a visita as Obras Sociais em sua agenda”.

MENSAGENS AO DIA DO PROFESSOR

dia do professor nre06 (2)Mensagemdia_do_professor2dia_do_professor2

Diaq do Professor 2HMHoje é o Dia do Professor! Esse profissional é extremamente importante na vida de todos nós e deveria ser mais valorizado! Por isso, aproveito essa data tão especial e significativa para agradecer aos professores que tive durante a minha época de estudante e também parabenizar os professores baianos e brasileiros! ‪#‎ParabensProfessores

Guarda Civil Municipal de Valença recebe certificados de capacitação e comemora Dia Nacional das Guardas Municipais‏

Componentes da Guarda Civil de Valença (GCM) se reuniram na manhã desta quarta-feira (14), na Câmara de Vereadores local, em cerimônia que marcou a passagem do Dia Nacional da Guarda Civil Municipal, ocorrida oficialmente no último dia 10. O momento de solenidade foi também da entrega dos certificados de capacitação pelo curso de Armamento e Tiro ao qual foram recentemente submetidos. O evento foi iniciado com a exibição de um vídeo sinalizando para as relações humanas e sociais no sentido de um mundo sem violência e para os valores éticos e morais como fatores fundamentais à cidadania.

A Guarda Municipal de Valença conta no seu efetivo com um contingente de 100 agentes e vem gradativamente se fortalecendo e modernizando, com importante papel na defesa do patrimônio público, nas orientações no trânsito e no auxílio à segurança pública. Robinson Souza, comandante da GCM, fez um rápido relato a respeito da história da corporação, enaltecendo o apoio que atualmente a mesma vem recebendo da prefeitura no sentido de cada vez mais poder estar se organizando e prestando serviços à sociedade.

As Guardas Municipais tiveram suas normas instituídas através da lei federal 13.022, de 08 de agosto de 2014. São princípios mínimos de sua atuação, entre outros, a proteção dos direitos humanos fundamentais, do exercício da cidadania e das liberdades públicas, e o patrulhamento preventivo.

Estiveram presentes no evento o Controlador Geral do Município, Luis Inácio de Souza Filho, também representando a prefeita Jucélia Nascimento; os vereadores Agostinho Júnior, Reginaldo Araújo e Jairo Baptista; o Chefe de Instrução do TG 06/005, em Valença, sub-tenente Jorge Alexandre Pavone; o presidente da Delegacia Regional dos Direitos Humanos, José Reis, e Osvaldo Eduardo dos Santos e Vera Lúcia Nascimento, respectivamente do Juizado de Menores e do Centro de Referência da Mulher.
01 A
Por Ivamar de Queiroz/Ascom – Governo de Valença