Monthly Archives: maio 2018

CARTÓRIO DA 31ª ZONA ELEITORAL SUSPENDE EXPEDIENTE

Em conformidade com a Portaria n. 005/2018, do Excelentíssimo Senhor Juiz da 31ª Zona Eleitoral, não haverá expediente no Cartório da 31ª Zona Eleitoral no dia 1º de junho de 2018, sexta-feira. A carga horária será objeto de compensação.
FEV
A 31ª Zona Eleitoral com sede em Valença, na Rua Guido Araujo Magalhães, s/nº, no bairro Novo Horizonte atende as cidades de Valença e Cairu. O telefone é o 75.3641.3061

PREFEITURA DE CAIRU DECRETA ESTADO DE EMERGÊNCIA E CRIAÇÃO DE COMITÊ DE GERENCIAMENTO DE CRISE

g_cairu-fora-da-rota_1490084
O prefeito de Cairu, Fernando Brito, no uso de suas atribuições decretou através de edição do Diário Oficial desta terça-feira (29/05) estado de emergência no município- arquipélago em virtude do agravamento da crise do abastecimento de combustíveis que já caminha para dez dias. O gestor municipal também institui um Comitê de Gerenciamento de Crise para propor e adotar medidas que assegurem a manutenção dos serviços essenciais para população cairuense, destacando-se os serviços de :
I – saúde (transporte de pacientes e de material biológico, gases medicinais e diesel para geradores, distribuição de insumos, vacinas e medicamentos);
II – educação (transporte de alunos e distribuição de gêneros alimentícios para os estabelecimentos educacionais);
III – transporte coletivo urbano de passageiros;
IV – coleta de lixo;
V – serviço funerário;
VI – segurança urbana e defesa civil.

As Secretarias Municipais, as Superintendências distritais e os demais órgãos e entidades integrantes da Administração Direta e Indireta deverão implantar plano de racionalização de uso dos insumos no âmbito de suas respectivas competências, com o objetivo de preservar a continuidade das atividades essenciais.

Ciência explica por que dizemos “hum” durante uma conversa

Todos nós já fizemos pausas durante uma frase, muitas vezes preenchidas com “hum”. Mas por que isso acontece? Cientistas revelam agora que, se prestarmos mais atenção, notamos que o “hum” surge antes de um substantivo.

Um novo estudo concluiu que quando as pessoas pronunciam uma palavra mais lentamente, essa palavra tem mais probabilidade de ser um substantivo que um verbo.

Segundo os cientistas, isso acontece porque visualizar os substantivos antes de pronunciá-los faz com que sejamos mais lentos quando os dizemos verbalmente, enquanto palavras que pressupõem uma ação, como verbos, exigem menos tempo para “vê-las”, antes de saírem da boca.

A velocidade da fala é moldada por uma complexa interação de vários fatores. Esses fatores incluem, por exemplo, a frequência e a familiaridade das palavras usadas.
hum
Anteriormente, os cientistas observaram que as pausas que precedem palavras não familiares ou complicadas refletem a dificuldade comparativa de planejar essas palavras na mente, disse Frank Seifart, cientista do Departamento de Estudos Literários e Linguística da Universidade de Amsterdã, na Holanda.

Desta vez, os cientistas analisaram milhares de gravações de voz, ouvindo os ritmos de 288.848 palavras, de frases em nove línguas diferentes. Os resultados foram publicados nos Proceedings of National Academy of Sciences.

Os cientistas descobriram que, nos nove idiomas, as pausas (silenciosas ou preenchidas com “hum”, por exemplo) eram 60% mais prováveis de ocorrer antes dos substantivos do que dos verbos.

Os substantivos são normalmente usados apenas quando adicionam informações novas, caso contrário são frequentemente omitidos ou substituídos por pronomes. É por esse motivo que as pessoas precisam de mais tempo para “planejar” a verbalização de substantivos do que de verbos, explicam os autores da pesquisa.

Além disso, o estudo sugere que, embora as línguas demonstrem uma diversidade significativa na estrutura gramatical e no contexto cultural, certos ritmos de fala seguem os padrões universais.

Professora recebe carta de Donald Trump e a devolve cheia de correções

7fdae7b8149c9821f99861a769d07df8-720x450
Yvone Mason não resistiu. A professora, já aposentada, recebeu uma carta assinada pelo presidente Donald Trump e decidiu corrigi-la.

Os 17 anos de ensino no ensino médio das escolas públicas de Greenvile, na Carolina do Sul, habituaram a professora norte-americana a todo o tipo de erro. Ser professora deu a Yvone Mason a capacidade de continuar a corrigi-los, mesmo depois da aposentadoria. O que a professora não esperava era, um dia, corrigir um presidente.

Em uma carta enviada à antiga docente, em resposta a uma das várias que Yvone Mason enviou à Casa Branca nos últimos, Donald Trump manchou um pouco mais sua imagem (e seu inglês) aos olhos da professora.

Entre redundâncias, maiúsculas que deviam ser minúsculas, uso excessivo do pronome “Eu” e falta de clareza, Yvone Mason se sentiu novamente dentro de uma sala de aula. Por isso, não resistiu em pegar na caneta e corrigir a carta assinada por Trump.

“Eu nunca, nunca, recebi uma carta com tantos erros tontos”, disse, citada pela revista portuguesa Visão. Embora seja provável que o texto tenha sido escrito por um membro da equipe de Donald Trump, a carta estava assinada pelo presidente.

“Quando se recebe uma carta do mais alto nível de governo, espera-se que esteja, pelo menos, mecanicamente correta“, afirmou a ex-docente.

Greve dos caminhoneiros chega ao nono dia; liderança diz que objetivo é derrubar Temer

Pelo nono dia seguido, caminhoneiros fazem protestos em rodovias em diversos estados do país. No entanto, duas das lideranças de associações da categoria afirmam que as reivindicações foram atendidas e que já orientaram as desocupações das estradas.

Segundo representantes destas entidades, citados pela Fórum, os motoristas que continuam nas ruas teriam agenda política e a intenção de derrubar o governo Temer.

“Não são mais os caminhoneiros que estão em greve. Há um grupo muito forte de pessoas que querem derrubar o governo. Não tenho nada a ver com estas pessoas, e também não os caminhoneiros autônomos”, disse o presidente da Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) José da Fonseca Lopes.

No final da noite desta segunda-feira (28), uma imagem se repetiu por todo o país. Caminhões e combustíveis foram escoltados por forças de segurança para abastecer postos e centrais de distribuição.

Em São Paulo, o principal local de manifestação é a Rodovia Régis Bittencourt. A Prefeitura da capital paulista afirmou que nesta terça-feira 70% da frota estará nas ruas.

Temer defende diálogo
No momento em que o país enfrenta o nono dia de paralisação dos caminhoneiros, o presidente da República, Michel Temer, destacou nesta terça a importância do diálogo para a democracia e disse que quando “alguns” ameaçam não querer o diálogo e parar o Brasil, é preciso exercer “a autoridade” para preservar os direitos da população.

Temer discursou, nesta terça-feira, na cerimônia de abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2018, em São Paulo.

“O diálogo é da própria essência da política e da democracia. É, aliás, sua fortaleza. Quando alguns rejeitam o diálogo e tentam parar o Brasil, exercemos a autoridade para preservar a ordem e os direitos da população, mas antes disso, um diálogo é fundamental, leve quanto tempo levar”, disse.

Temer acrescentou ainda que alguns confundem a vocação para o diálogo com eventual leniência política e que, na verdade, é exatamente o oposto.

Para Marco Aurélio Mello, governo subestimou greve
Marco Aurélio Mello, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), sugeriu que o governo de Michel Temer não levou a greve dos caminhoneiros a sério.

“O governo é o órgão mais bem informado que nós temos. Aí, eu penso que subestimaram e foram surpreendidos com essa reação que paralisou o país. Nós realmente não podíamos ter chegado a esse ponto. Não sei (se governo) subestimou as informações alcançadas, mas é uma situação realmente muito ruim, porque repercute na vida de todos”, destacou o ministro à Amanda Pupo, do Estado de S.Paulo.

Segundo o ministro, é um contexto em que você precisa “tomar as providências antes que o pior aconteça. E o pior veio a acontecer, já que os caminhoneiros só viram esse caminho para tentar ter preservados os meios de trabalho”.

“É um ato de força, sem a menor dúvida. E só se chega a ele quando não se tem outra solução. Os caminhoneiros fizeram o que fizeram porque estão visando a própria sobrevivência, incitando essa paralisação total”, completou.

Bud Basement vai movimentar Salvador durante os jogos da Copa do Mundo

original_lkwfnwf
Confira o que vai rolar no Bud Basement Salvador. Serão doze eventos. Nomes como Emicida, Raimundos, 3030, Rincon, Attoxxa e outros estão confirmados

A cerveja Budweiser, patrocinadora global do Mundial da FIFA, fará os brasileiros torcerem de uma forma totalmente diferente e autêntica na Copa do Mundo de 2018. O projeto estará presente em dez capitais, e Salvador não podia ficar de fora.

Inspirado nos icônicos porões de Nova York (EUA) e Berlim (Alemanha), o Bud Basement tem o objetivo de reunir pessoas que se conectam pela atitude, por meio de uma atmosfera urbana, genuína e contemporânea como a Budweiser.

De 14 de junho a 15 de julho, o bairro do Comércio será o endereço do Bud Basement Salvador. Lá, as pessoas poderão desfrutar de galpões com barbearia, estúdio de tatuagem, telões que irão transmitir os jogos e permitem visão 360° em todo o espaço, campeonatos de pebolim e futebol de botão, uma quadra de street soccer e uma “banca” para os fanáticos por figurinhas terem um ponto de encontro para troca e até disputarem as mais valiosas em campeonatos de ‘bafo’.

O som ficará por conta das bandas Raimundos, ÀTTOOXXAÁ e Di Maré, além dos cantores Ricón, Pedro Pondé, Clariana e Telefunksoul. O OXE 071, um coletivo formado por profissionais que têm em comum conhecer, como ninguém, a cultura baiana e a noite soteropolitana, promete energizar e não deixar ninguém parado no Bud Basement Salvador 2018.

Se bater aquela fome, a turma do FOGO Barbecue – evento voltado para os amantes de churrascos premium – estará presente com deliciosos hambúrgueres e mais duas opções no cardápio. Terá também opções vegetariana.

Estrutura
O Bud Basement Salvador contará com quatro lounges, três bares, loja, banca de revista, house mix, espaço de jogos e de grafite, banheiros, dois galpões com barbearia e estúdio de tattoo, palco, arquibancada e telões.

Programação:

14 de Junho (Rússia x Arábia Saudita), Quinta-feira , a partir das 11h
Soft Open: Imprensa.

16 de Junho (Peru x Dinamarca), Sábado, a partir das 15h
Rock It: Raimundos e Clariana.

17 de Junho (Brasil x Suiça), Domingo, a partir das 14h
Resenha: Rincón e Àttooxxaá.

22 de Junho (Brasil x Costa Rica), Sexta-feira, a partir das 9h
O Fogo: Bud & Burger.

27 de Junho (Brasil x Sérvia), Quarta-feira, a partir das 14h
Californication: Pedro Pondé e Di Maré.

30 de Junho (Uruguai x Paraguai), Sábado, a partir das 14h
PCV: 3030 e Telefunksoul.

2 de Julho (Oitavas de Final), Segunda, a partir das 11h
Bud & Burger: Renata Bastos, Clariana (Amy Reggae House) e Telefunksoul.

6 de Julho (Quartas de Final), Sexta, a partir das 11h
Hip Hop.

7 de Julho (Quartas de Final), Sábado, a partir das 15h
Sollares.

10 de Julho (Semifinal), Terça, a partir das 15h
Swag.

14 de Julho (3º Lugar), Sábado, a partir das 11h
OXE 071

15 de Julho (Final), Domingo, a partir das 11h
Emicida.
Os ingressos podem ser adquiridos no Sympla

Sobre a Budweiser Basement
Com mistura de cenários e muita atitude, o evento da marca leva uma experiência autêntica para os consumidores. O espaço com inúmeras atrações terá palco para receber bandas e DJs com curadoria especial, um bar temático e telões com visão 360° que transmitirão os aguardados jogos da Copa do Mundo. Além disso, exposição de motos, barbearia, estúdio de tatuagem e grafite também farão parte do ambiente. “O grande desafio é desenvolver não apenas grandes campanhas ou parcerias, mas sim enriquecer as experiências dos nossos consumidores. Budweiser Basement é um projeto criado para contar um pouco mais da nossa história e dividir os valores que nos unem. É um espaço interativo e que reflete nossa atitude”, explica André Clemente, diretor de eventos da Ambev.

Sobre a Budweiser

A cerveja lager mais famosa do mundo, acredita que para ter atitude e ser autêntico, você deve viver em seus próprios termos, sem se importar com o que os outros pensam.

Há mais de 140 anos, a cerveja Budweiser é produzida da mesma forma e seguindo suas próprias regras. Em suas campanhas a marca destaca essa atitude e os detalhes de sua produção: seus ingredientes naturais (água, malte, arroz e lúpulo), lascas da madeira de beechwood – usadas no processo de fermentação, que ajudam a arredondar seus aromas e sabor único.

LK COMUNICAÇÃO

TRE-BA suspende expediente e prazos processuais a partir desta segunda (28/5)

Medida ocorre em razão da greve dos caminhoneiros e é válida em todo estado, exceto para Jeremoabo, onde ocorre eleição suplementar no domingo (3/6)

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) informa a suspensão do expediente e de todos os prazos processuais até ulterior determinação. A suspensão, válida a partir desta segunda-feira (28/5), atinge todos os postos e cartórios eleitorais do estado, com exceção de Jeremoabo, onde é previsto realização de eleição suplementar.

A interrupção dos trabalhos da Justiça Eleitoral na Bahia ocorre em razão da greve dos caminhoneiros, conforme a Portaria Nº. 290/2018, a ser publicada no Diário da Justiça Eletrônico (DJE).

O presidente do TRE-BA, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, lamentou os prejuízos e disse esperar que a situação se normalize o mais breve possível. “Espero que a população compreenda a necessidade dessa interrupção, que ocorre com o intuito de tão somente preservar a integridade dos nossos magistrados, servidores, colaboradores, eleitores e demais usuários da Justiça Eleitoral”, comentou.

Jeremoabo

Em razão da realização de eleição suplementar, os serviços eleitorais se manterão em regime de plantão apenas no município de Jeremoabo, não sendo afetados os prazos relativos ao pleito que acontece no próximo domingo (3/6).

Cairu Presente no XX Encontro da UNCME-BA

Foi realizado ontem (22) e hoje (23) em Salvador, no Instituto Anísio Teixeira (IAT), o XX Encontro Estadual da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (UNCME-Bahia). O tema central foi “O Papel dos Conselhos Municipais de Educação na Garantia do Direito à Educação: Parcerias Institucionais, Desafios Contextuais e Legais”. Nosso Município foi muito bem representado pelas Educadoras Jaciara Nascimento Machado, Rosemary Xavier de Oliveira e Ana Rosa Ferreira.
FB_IMG_1527159178336

FB_IMG_1527159184603

A UNCME tem como objetivo geral fortalecer os Conselhos Municipais de Educação, por meio da Formação Continuada dos Conselheiros, tendo em vista a gestão democrática e participativa, que assegure o exercício das suas funções, de forma a viabilizar a garantia do direito à educação básica com qualidade social, conforme assegurado nos Planos Municipais de Educação aprovados em Lei.

Cooperativa cairuense e Colônia Z53 de Taperoá têm proposta selecionada na primeira etapa do edital Bahia Produtiva

IMG-20180522-WA0044

Representantes de associações do Baixo Sul proponentes de Alianças Produtivas estiveram reunidos nesta terça-feira (22/05) na sala da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) no Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar (SETAF), em Valença, com membros da Executiva do CODETER – Colegiado de Desenvolvimento Territorial. O encontro teve como pauta a análise das Manifestações de Interesse do Projeto Bahia Produtiva, Edital Chamada Pública nº 10.

O Edital 10/2018, Alianças Produtivas Territoriais, no valor de R$ 60 milhões, é o primeiro edital na Bahia que tem como foco a relação comercial das cooperativas da agricultura familiar e empresas privadas, incentivando a inclusão no mercado e as oportunidades de negócio. Os recursos e investimentos serão direcionados para as cooperativas que poderão melhorar seus processos de gestão, aquisições de equipamentos mais eficientes, desenvolvimento de novos produtos, entre outros resultados.

Foram aprovadas na primeira etapa do edital cinco Alianças Produtivas, entre elas a proposta pela COOPEMAR da comunidade cairuense de Torrinhas em conjunto com a Colônia Z53 de Taperoá cujo projeto visa o beneficiamento do pescado. Participaram o coordenador do território do Baixo Sul Gerval Teófilo, o presidente da Câmara de Cairu Abdon Ché, o superintendente de Agricultura de Cairu Lázaro Miranda representando o secretário de Agricultura e Pesca Ally Ché, o presidente da COOPEMAR Fábio Nepomuceno e o vice presidente Dalmo de Oliveira, o presidente da Colônia Z53 Dan Raimundo, além dos representantes das entidades COOPATAN; COOPAFBSUL; COOPALM; e CENTRAL MATA ATLÂNTICA.

Prefeitura de Cairu apresenta resultado da campanha “Bituca Zero”

A ação imposta e realizada através da Secretaria de Desenvolvimento Sustentável de Cairu, foi realizada no final de semana durante a San Island.
original_Bituqueira

Turistas receberam bituqueiras durante o final de semana da festa (Divulgação)

Pelo segundo ano consecutivo Morro de São Paulo recebeu a San Island Weekend, evento que reúne cerca de 4 mil pessoas durante o final de semana. Buscando conscientizar os turistas e minimizar os impactos ambientais causados pelo evento, a Secretaria de Desenvolvimento Sustentável do Município de Cairu elaborou um projeto de sustentabilidade, o “Bituca Zero”.

“O objetivo é evitar ameaçar às praias da ilha e para isso é preciso combater. Infelizmente as pessoas ainda tem a cultura de jogar lixo nas praias e após um evento como este é normal encontrar bitucas jogadas na areia, por isto a ação foi pensada. Praia não é cinzeiro. Além das lixeiras espalhadas em todas as praias, instalamos 25 Porta Bituca de Cigarro na extensão de praia compreendida entre a Primeira e a Terceira Praia de Morro de São Paulo”, explica a Fabiana Pacheco Secretária de Desenvolvimento Sustentável de Cairu.
original_WhatsApp%20Image%202018-05-22%20at%2019_01_53
Durante o evento a Campanha de Educação Ambiental foi reforçada com um stand no deck localizado na Primeira e Segunda Praia com a presença de monitores uniformizados, realizando promoções e apresentando o projeto aos turistas, visitantes e comunidade. Também foram distribuídas 300 bituqueiras de bolso para os visitantes. A ação reafirma a sustentabilidade para os habitantes locais e turistas.

Segundo os dados gravimétricos apurados pela Secretaria de Desenvolvimento Sustentável, foram recolhidos nas bituqueiras instaladas, entre os dias 18 e 21 de maio, uma média de 500 bitucas. A ideia é deixar o legado de preservação aos turistas de diferentes regiões do país e do mundo, a importância de curtir as ilhas e aproveitar suas belezas naturais com consciência. A ação vai permanecer durante todo o ano.

LK COMUNICAÇÃO