Coleta e troca do óleo de cozinha

Bom para você melhor para o meio ambiente. More »

Violência Contra Mulher

O orgulho não foi feito para o homem, nem a ira violenta para os nascidos de mulher. (Eclesiástico 10,18) More »

Mais Cultura no Bairro da Bolivia

Aulas pensadas para trabalhar a Saúde. Desde a adolescência até a terceira idade. More »

Blitz Educativa

“Proteja-se! Use o cinto de segurança” More »

ESCOLA COMUNIDADE QUILOMBOLA

Comunidade Quilombola com melhor educação. More »

 

Sinos de igrejas do Centro Histórico voltarão a tocar às 18h e Bahia terá roteiro oficial

Por por João Brandão / Lucas Arraz / Jade Coelho

IMAGEM_NOTICIA_5

Com foco no fortalecimento do turismo religioso e retomada de tradições, as igrejas localizadas no Centro Histórico de Salvador voltarão a badalar os sinos todos os dias às 18h. A ideia partiu da Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) e foi recebida com “muita alegria” pelo arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, segundo o titular da pasta Fausto Franco (PR).

A decisão foi tomada após aprovação de Dom Murilo em reunião nesta semana. O encontro contou com a presença do arcebispo, do secretário Fausto Franco, da secretária de Cultura da Bahia, Arany Santana, e do superintendente do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac), João Carlos.

“Ele [Dom Murilo Krieger] ficou de fazer um levantamento para ver como é que estão as igrejas, mas disse que vamos fazer sim. Saí de lá com isso já resolvido, não sei exatamente quando, que dia vai começar, mas muito em breve”, afirmou Fausto Franco.

Para o titular da Setur, a retomada do badalar dos sinos vai ser positiva em vários aspectos: “voltar uma tradição que se perdeu e o efeito psicológico, não só dos turistas, mas principalmente da população, que vai ficar aguardando aquele momento das 18h para que todos os sinos toquem simultaneamente”.

Franco apontou o turismo religioso como uma “das grandes bandeiras” da sua gestão. Ele antecipou que a Bahia passará a contar com um roteiro religioso oficial e que tudo foi acertado durante o encontro com o arcebispo de Salvador. A agenda, segundo Fausto Franco, será feita “a seis mãos”. “Dom Murilo recebeu com muita alegria essa provocação que fizemos a ele, e algumas ações efetivas até já começaram a acontecer”, ressaltou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>