Coleta e troca do óleo de cozinha

Bom para você melhor para o meio ambiente. More »

Violência Contra Mulher

O orgulho não foi feito para o homem, nem a ira violenta para os nascidos de mulher. (Eclesiástico 10,18) More »

Mais Cultura no Bairro da Bolivia

Aulas pensadas para trabalhar a Saúde. Desde a adolescência até a terceira idade. More »

Blitz Educativa

“Proteja-se! Use o cinto de segurança” More »

ESCOLA COMUNIDADE QUILOMBOLA

Comunidade Quilombola com melhor educação. More »

 

Bahia ganha um moderno Centro Panamericano de Judô

A inauguração do Centro Panamericano de Judô, em Lauro de Freitas, nesta segunda-feira (28), coloca a Bahia dentro do ambiente das Olimpíadas de 2016, que serão realizadas no Rio de Janeiro. “É um equipamento super moderno, são três prédios contendo ginásio climatizado com oito áreas oficiais para treinamento e quatro para competição e capacidade para duas mil pessoas. Esse equipamento é inédito no Brasil e na América Latina e a gente sai na frente, a Bahia sai na frente”, comemora Jaques Wagner em seu programa de rádio semanal.

 

No ‘Conversa com o Governador’ desta semana Wagner fala também sobre o I Seminário Internacional para Preservação do Patrimônio Cultural Compartilhado Brasil-Nigéria, que acontece em Salvador, e sobre sua agenda para o interior do Estado com visitas aos municípios Rio do Antônio, na região sudoeste, e Pedrão, no centro norte.

 

Ele abre o programa falando sobre o Centro Panamericano de Judô, a importância desse equipamento não só para o esporte mas também para o social, com o apoio a atletas profissionais e iniciantes:

 

“É um grande equipamento que a gente está inaugurando com a presença do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, a presença do secretário [do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte] Nilton Vasconcelos, o Centro Panamericano de Judô, um investimento de R$ 40 milhões em Lauro de Freitas, no terreno do antigo Kartódromo, que foi uma negociação feita com a Prefeitura [de Lauro de Freitas] e com a Igreja, que é a proprietária dessa área, e com a Federação Brasileira de Judô. E isso nos equipa muito, principalmente visando às Olimpíadas de 2016”.

 

“É um equipamento super moderno, são três prédios contendo ginásio climatizado com oito áreas oficiais para treinamento e quatro para competição e capacidade para cerca de duas mil pessoas. Então, esse equipamento é inédito no Brasil e na América Latina e a gente sai na frente, a Bahia sai na frente conquistando um equipamento dentro do ambiente das Olimpíadas de 2016 que se realizarão no Rio de Janeiro”, comemora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>