Coleta e troca do óleo de cozinha

Bom para você melhor para o meio ambiente. More »

Violência Contra Mulher

O orgulho não foi feito para o homem, nem a ira violenta para os nascidos de mulher. (Eclesiástico 10,18) More »

Mais Cultura no Bairro da Bolivia

Aulas pensadas para trabalhar a Saúde. Desde a adolescência até a terceira idade. More »

Blitz Educativa

“Proteja-se! Use o cinto de segurança” More »

ESCOLA COMUNIDADE QUILOMBOLA

Comunidade Quilombola com melhor educação. More »

 

Salva de palmas e oração em família marcam cerimônia privada para Bolaños

Do UOL, em São Paulo

Famosos, familiares e amigos prestaram as últimas homenagens ao comediante Roberto Goméz Bolaños, criador dos personagens “Chaves” e “Chapolin”, nas instalações da Televisa, emissora que revelou os personagens para o mundo, na Cidade do México, na noite de sábado (29).

Em uma capela improvisada em um dos estúdios, a primeira cerimônia teve muita emoção e uma salva de palmas de dois minutos, quando o caixão chegou à emissora por volta das 20h (horário local; 24h no horário de Brasília)

De acordo com informações do jornal local El Universal, o primeiro a falar foi Emilio Azcárraga, presidente do canal. “A Roberto devemos todos, sem exceção, um sorriso, um momento de alegria que conseguiram unir as famílias em cada programa Graças Roberto, nunca vou deixar de dizer obrigado”, disse.

Em seguida, a viúva Florinda Meza e os seis filhos foram para o altar para rezar o Pai Nosso de mãos dadas .

O ator  Edgar Vivar, intérprete do personagem Senhor Barriga, também acompanhou a cerimônia.

Embora o jornal hispânico La Opinión afirme que Carlos Villagrán, o Quico, tenha sido vetado na cerimônia pela viúva de Bolaños, o ator foi visto sentado próximo a Vivar.

Mãe e filho em “Chaves”, Florinda Meza mantém distância de Villagrán desde 1978, quando o ator deixou o elenco do programa. Os dois namoraram no começo da década de 1970, mas se separaram pouco tempo depois. Em 1977, a atriz e Bolaños começaram a namorar.

Após a cerimônia, ambos conversaram e se abraçaram, em um primeiro sinal de reconciliação, após mais de 30 anos.

Do lado de fora, fãs e jornalistas se aglomeraram na porta da emissora. Caracterizado como Chapolin, o mexicano Lidio Istrieya tentou invadir a cerimônia e foi retirado à força por seguranças.

Chaves

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>