Ambulantes da Praça da República participam de curso de Manipulação de Alimentos promovido pela prefeitura de Valença.

DSC_9412 cópia
A prefeitura municipal de Valença, através da secretaria de Indústria e Comércio, em parceria com a Vigilância Sanitária esteve na Câmara dos Dirigentes Lojistas de Valença – CDL, onde foi ministrado um curso de Manipulação de Alimentos tendo como publico alvo os trabalhadores informais da Praça da República.
O curso ministrado pela coordenadora da Vigilância Sanitária- VISA Maíra Rosenberg, teve como objetivo instruir os trabalhadores informais que trabalham com vendas de gêneros alimentícios concernentes a importância do manuseio mantendo a higiene e conservação dos produtos comercializados diariamente na praça central do município principalmente com a chegada do período junino.
Para o secretario de Indústria e Comércio do município Paulo Martins, a principal preocupação da gestão é qualificar os nossos trabalhadores informal orientando na conservação dos produtos bem como manuseio isto também é questão de saúde pública, pois nossa cidade já se prepara para receber milhares de turistas que estarão lotando nossas praças nos festejos juninos e é preciso estar preparados para recebê-los e atendê-los bem.
É a Prefeitura Municipal de Valença, cuidando de nossa gente!
Fonte: ASCOM- Prefeitura Municipal de Valença
Fotos: Valdemir Lima
DSC_9371 cópia

ABERTO PROCESSO SELETIVO DA UFRB

Símbolo_da_UFRB
A UFRB está selecionando candidatos para ingresso nos cursos de graduação na Educação do campo, em regime de alternância, do Centro de Formação de Professores e Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade. O processo seletivo será destinado a pessoas que tenham concluído o Ensino Médio, resida ou exerça atividades no campo ou comunidades ribeirinhas, com renda bruta familiar inferior a 1,5 salários mínimos que tenham cursado em escolas públicas, e que sejam autodenominados pretos ou pardos pertencentes à famílias de de menor poder aquisitivo, que tenham estudado em escolas públicas.

No município de Cairu, as Secretarias de Educação e Juventude estão mobilizando jovens de comunidades quilombolas certificadas pela Fundação Palmares, com ajuda dos professores e gestores das escolas municipais, articuladores de juventude e lideranças locais. São elas:

Monte Alegre na Ilha de Boipeba;

Torrinhas, na Ilha de Cairu;

Galeão e Batateira, na Ilha de Tinharé.

O processo está em período de inscrição.
Alunos das comunidades quilombolas que concluíram ensino médio em Cairu podem ser tornar professores em universidade federal pública com bolsa para permanência e ajuda de custo para moradia e alimentação no campus da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, no campus de Amargosa.

Uma chance imperdível de estudar gratuitamente e fazer a sua primeira graduação com bolsa para pagar suas despesas.

Processo Seletivo em Educação do Campo

Vagas – 110

Cursos – 02

Inscrições – 16/04/2018 a 29/04/2018

Edital PROGRAD Nº 16/2018

Site: https://www.ufrb.edu.br/portal/component/chronoforms5/…

Card -Expo NAVIO NEGREIRO

FEIRA DA SAUDE PROSSEGU NAS ILHAS DE CAIRU

30411765_1769731959715960_9002306178889285632_n

30739756_1769732209715935_2091844034602467328_n
A chuva não impediu o sucesso das atividades em alusão à Semana Mundial da Saúde promovidas pela Secretaria da Saúde nesta quarta-feira (18/04) na Gamboa. Um total de 423 pessoas participaram da vasta programação que incluíu avaliação nutricional, auriculoterapia, atividade corporal
escovação supervisionada, vacinação, palestras educativas, testes rápidos, orientação sobre doenças sexualmente transmissíveis e também esclarecimentos sobre cuidados com animais.

As atividades, que já passaram também por Boipeba e Galeão, prosseguem nas outras ilhas, confira o cronograma :
Torrinhas 19/04
Garapuá 23/04
Sede 24/04
Morro de São Paulo e Zimbo 25/04
São Sebastião 26/04
30708748_1769731933049296_6476132992363266048_n

30740359_1769732003049289_3116619172683972608_n

Gene que causa Alzheimer é neutralizado em humanos pela primeira vez

4ac9950b09e230c49f7b60a19251b5db-783x450

Cientistas acabam de fazer um avanço revolucionário na batalha contra a doença de Alzheimer. O gene que causa a doença foi identificado e neutralizado. O feito é de pesquisadores do Instituto Gladstones, na Califórnia, EUA.

Cientistas acabam de identificar e neutralizar o gene que causa o Alzheimer, um avanço revolucionário na batalha contra a doença. Em vez de experimentar resultados em camundongos, a equipe foi direto ao teste com células cerebrais humanas.

O experimento é particularmente significativo porque ocorreu em células humanas.

A célula perigosa em questão é chamada de gene apoE4. Os cientistas conseguiram identificar e também neutralizar o gene, que causa Alzheimer, para que não levasse ao desenvolvimento da doença.

A presença do gene apoE4 duplica as chances de uma pessoa desenvolver danos cerebrais. Ter duas cópias dela aumenta o risco em 12 vezes. Isso ocorre porque o gene produz um certo tipo de proteína mutada que danifica as células do cérebro humano.

Usando células-tronco para corrigir o gene, os cientistas foram capazes de interromper a produção da proteína mortal, eliminar todos os sinais da doença de Alzheimer e melhorar a sobrevivência e a função das células.

Os pesquisadores agora estão trabalhando com a indústria farmacêutica para melhorar os compostos para que possam ser testados em pacientes humanos.

Caixa reduz para 9% ao ano taxa de juros e volta a financiar até 70% de imóveis usados

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta segunda-feira (16) a redução das taxas de juros do crédito imobiliário e aumento do percentual do valor do imóvel financiado.

b428acb90f642e93707e8c1399841402-783x450

As taxas mínimas passaram de 10,25% ao ano para 9% ao ano, no caso de imóveis do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), e de 11,25% ao ano para 10% ao ano para imóveis enquadrados no Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI).

As taxas máximas caíram de 11% para 10,25%, no caso do SFH, e de 12,25% 11,25%, no SFI.

Segundo o presidente da Caixa, Nelson Antônio de Souza, a redução das taxas de juros facilita o acesso à casa própria e estimula o mercado imobiliário.

“O objetivo da redução é oferecer melhores condições para os nossos clientes, além de contribuir para o aquecimento do mercado imobiliário e suas cadeias produtivas”, destacou, em nota.

A última redução de juros feita pela Caixa ocorreu em novembro de 2016, quando as taxas mínimas passaram de 11,22% para 9,75% ao ano para imóveis financiados pelo SFH, e de 12,5% para 10,75% ao ano para imóveis do SFI.

Cota de financiamento

O banco aumentou novamente o limite de cota de financiamento do imóvel usado, de 50% para 70%. Em setembro do ano passado, a Caixa tinha reduzido para 50% do valor do imóvel o limite máximo de financiamento.

A Caixa também retomou o financiamento de operações de interveniente quitante (imóveis com produção financiada por outros bancos) com cota de até 70%.

Os prazos permanecem entre 156 para 420 meses no caso do SFH e 120 a 420 meses, no SFI. A Caixa, que lidera o mercado com cerca de 70% das operações, possui R$ 82,1 bilhões para o crédito habitacional em 2018.

Sistemas de financiamento

Estão enquadrados no SFH imóveis residenciais de até R$ 800 mil para todo país, exceto para Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal, onde o limite é de R$ 950 mil. Os imóveis residenciais acima dos limites do SFH são enquadrados no SFI. Essas alterações passam a valer a partir de hoje.

Ciberia // Agência Brasil

Card -Expo NAVIO NEGREIRO

Prefeitura de Cairu instala sinalização nas praias de Morro, Boipeba e Garapuá

30741985_1768465919842564_6570045510307020800_n

A Prefeitura de Cairu, através das Secretarias de Turismo e Desenvolvimento Sustentável, instalou placas de sinalização ao longo das praias de Morro de São Paulo e Boipeba , além da vila de Garapuá, com o objetivo de prevenir os banhistas e turistas quanto a segurança e também para fomentar a conscientização do público quanto aos cuidados que todos devemos ter com a praia e os recursos naturais.

As placas indicam desde os locais perigosos para banhistas até a proibição para o embarque e desembarque de passeios turísticos. Indicações sobre os cuidados para preservação dos corais e para não alimentar indevidamente os peixes também fazem parte da sinalização implantada.

Em Garapuá, a sinalização é voltada para proibição do tráfego de veículos motorizados na área de praia. Os recursos da sinalização são provinientes de compensação ambiental.
Respeitar a sinalização é de fundamental importância para evitar acidentes e também para assegurar o direito de todos desfrutarem do espaço público.
30740458_1768465853175904_5054799327659032576_n

WORKSHOP DE DANÇA PROSSEGUE EM CAIRU

30704746_1768859246469898_965304628604305408_n

30712031_1768859423136547_7934806355414614016_n

O III Intensivo Cultural promovido através da Secretaria da Juventude segue colocando a galera para meter dança. A iniciativa busca ofertar workshops de diferentes modalidades de dança, como o hip-hop, ritmos, stiletto, forró, afro, street jazz, contemporâneo, ballet clássico, entre outros. Este ano, o evento é itinerante já tendo passado pela Sede e Galeão. Confira as datas das próximas oficinas :
Gamboa 20/04
Garapuá 21/04 no período da manhã
Zimbo 21/04 no período da tarde
Boipeba 27/04
São Sebastião 28/04

30714608_1768859196469903_8282988603798192128_n

Aos 97 anos, Dona Ivone Lara morre no Rio

Estadão Por Roberta Pennafort

RIO – Uma das pedras fundamentais do samba carioca, autora de clássicos como Sonho meu e Alguém me avisou, a compositora Dona Ivone Lara morreu na segunda-feira, 16. Ela tinha completado 97 anos no último dia 13. Dona Ivone estava internada na Coordenação de Emergência Regional, anexa ao Hospital Miguel Couto, no Leblon, e morreu em decorrência de insuficiência respiratória.

Apesar da idade avançada, Dona Ivone, venerada por sambistas de diferentes gerações e chamada de “Rainha do samba” e “Primeira-dama do samba”, fez shows há até pouco tempo atrás. Em 2016, celebrou os 95 anos numa apresentação que contou com outros artistas e seu neto André Lara, uma companhia constante. Em 2010, fora homenageada pelo Prêmio da Música Brasileira.

Dona Ivone se deslocava de cadeira de rodas e era amparada por familiares. Em suas aparições públicas, estava sempre sorridente e alinhada. Onde chegava era ovacionada.

O maior parceiro foi Délcio Carvalho, com quem criou, entre muitos sambas, Sonho meu, Acreditar, Minha verdade e Em cada canto uma esperança. Ele era 18 anos mais jovem e morreu em 2013.

Dona Ivone Lara é homenageada na Assembleia Legislativa do Rio

A sambista foi gravada por Clara Nunes, Maria Bethânia, Caetano Veloso, Paulinho da Viola, Marisa Monte e outros nomes da MPB. Em rodas de samba cariocas, composições como Tiê e Mas quem disse que eu te esqueço, esta com Hermínio Bello de Carvalho, sempre são lembradas.

Primeira mulher a ganhar uma disputa de samba-enredo numa escola de samba no Rio, em 1965 – Os cinco bailes da história do Rio (com Silas de Oliveira e Bacalhau) –, ela era filha de músicos e ligados ao carnaval. Era prima de Mestre Fuleiro, um dos fundadores do Império Serrano, sua escola.

Dona Ivone Lara é tema de mostra em São Paulo

Ivone, formada enfermeira e auxiliar da pioneira psiquiatra Nise da Silveira, nasceu bem antes da agremiação – era de 1921; o Império, de 1947. Ela compôs sambas ainda para o Prazer de Serrinha, escola do qual o Império viria a ser uma dissidência. A Verde-e-branco do bairro de Madureira, na zona norte do Rio, lhe fez um desfile-tributo em 2012.